setembro 28, 2017 Camocim São Félix 0Comment

Representantes da Assistência Social, beneficiários, estudantes e população de Camocim de São Félix realizaram um protesto na tarde desta quinta-feira (28) contra uma proposta do Governo Federal que pode levar ao corte de 98% do Sistema Único de Assistência Social (SUAS).

O manifesto se concentrou no Centro de Referência de Assistência Social (Cras) e percorreu algumas ruas e avenidas da cidade, encerrando com um ato público na Praça São Félix. Com faixas, cartazes e palavras de ordem, se destacando o “Fora Temer”, a mobilização, espelhada em diversas a nível nacional, teve como proposta alertar a população para os constantes cortes em direitos sociais conquistados.  “O sentido dessa mobilização é para anunciar este corte que o Governo Federal está propondo para o ano que vem, 98% só na Assistência Social”, explica Cesar Lucena, representante do CREAS local. Ainda de acordo com Cesar, cortes poderão atingir diretamente programas sociais a exemplo do Minha Casa Minha Vida, Bolsa Família e implicar diretamente na extinção de políticas de assistência e Centros de Referência. “Isso tudo reflete na população carente de nosso país e de nossa cidade”, completa o jovem.

Caso o Orçamento seja aprovado sem alterações  representará um retrocesso para as políticas públicas em nível nacional, repercutindo na esfera local.